Imigrantes podem ser convocados pelas Forças Armadas dos EUA?

Imigrantes podem ser convocados pelas Forças Armadas dos EUA?

Sabia que imigrantes podem ser convocados pelas Forças Armadas dos EUA para servir o país em caso de guerra?

Pois é! Estrangeiros com o status de residente permanente legal, do sexo masculino e que tenham entre 18 e 25 anos são obrigados a se inscrever no Serviço Seletivo (Selective Service, em inglês).

A inscrição obrigatoriamente deve ser realizada em até 30 dias após a chegada aos EUA. No entanto, pode ser feita na página online do Serviço.

O que é o Serviço Seletivo?

Segundo explica o site da Embaixada americana no Brasil, “o Registro de Serviço Seletivo é um processo pelo qual o governo dos Estados Unidos coleta nomes e endereços de homens entre 18 e 25 anos para uso no caso de emergência nacional que requeira aumento rápido de contingente nas Forças Armadas. É uma responsabilidade cívica e legal”.

Ou seja, é apenas uma formalidade burocrática que ajuda o governo a saber, com antecedência, quantas pessoas ele teria disponível para uma guerra de grande proporção ou uma emergência nacional.

A exigência de inscrição no Serviço Seletivo também recai sobre cidadãos nascidos no país.

O que acontece se eu não me registrar no Serviço Seletivo?

Homens com idade entre 18 e 25 anos que não se registrarem no Serviço Seletivo não conseguirão auxílio estudantil em vários estados americanos e nem um emprego na administração federal.

Além disso, o governo dos EUA poderá processá-lo, e a pessoa terá de enfrentar uma pena de até cinco anos de prisão e multa de US$ 250 mil.

No caso dos imigrantes, eles terão a cidadania negada caso se candidatem à naturalização.

Por isso, se você ainda não se registrou, entre em contato com o Serviço Seletivo e regularize a sua situação. De preferência, peça ajuda a um advogado de imigração.

Quem já se alistou às Forças Armadas não precisa se registar no Serviço Seletivo.

Como um imigrante ingressa nas forças armadas dos EUA?

O registro no Serviço Seletivo não significa que você está se tornando um militar e nem que está se alistando às Forças Armadas dos EUA.

Aliás, a AG Immigration preparou um conteúdo bem especial sobre o Serviço Militar nos EUA, para quem quer saber mais como entrar para as Forças Armadas.

Mas, em resumo, existe um limite de idade para você se alistar em cada ramo militar:

  • Guarda Costeira: 31
  • Corpo de Fuzileiros Navais: 28
  • Marinha: 39
  • Exército: 35
  • Aeronáutica: 39
  • Força Espacial: 39

O limite mínimo, por sua vez, é de 17 ou 18 anos.

Os imigrantes que querem se juntar às Forças Armadas dos EUA precisam ter inglês fluente, viver nos EUA e ter o green card. É necessário também possuir, no mínimo, um diploma de ensino médio e passar por uma série de testes qualificatórios, para determinar se você tem aptidão para o Serviço Militar.

DIREITOS E RESPONSABILIDADES DE UM PORTADOR DE GREEN CARD

Como imigrante, posso chegar ao topo da carreira militar?

Sim! O fato de ter nascido fora dos EUA, conseguido o green card e se alistado às Forças Armadas não impede que você se torne, por exemplo, um general de quatro estrelas.

Contudo, para chegar ao topo da carreira militar, você terá de cumprir alguns requisitos, como conquistar um alto nível de formação acadêmica (mestrado e doutorado) e se naturalizar cidadão americano, visto que sem a cidadania você não consegue ocupar altos cargos na administração federal, sobretudo, no Pentágono.

Posso conseguir a cidadania apenas por ter me alistado às Forças Armadas dos EUA?

Sim! Para quem não é do Serviço Militar, geralmente é preciso esperar cinco anos após obter o green card para solicitar a naturalização.

No entanto, para os imigrantes que se alistam nas Forças Armadas (o que é diferente do Serviço Seletivo, salientamos mais uma vez), o tempo para conseguir a cidadania americana cai para apenas um ano.

Se o indivíduo serviu de maneira honrosa aos EUA durante esse período, ele poderá solicitar a cidadania.

Desde 2002, os EUA já naturalizaram mais de 148 mil membros das Forças Armadas, sejam em serviço no país ou no exterior. Só em 2021, foram 8.800 nautralizações.

Posso conseguir a cidadania apenas por ter me alistado às Forças Armadas dos EUA?

Qual é o salário de um militar nos EUA?

De acordo com o Today’s Military, site mantido pelo Departamento de Defesa dos EUA, um oficial no seu primeiro ano de Serviço Militar pode ganhar algo em torno de US$ 35 mil e US$ 53 mil por ano.

O valor final de remuneração, contudo, depende da posição a ser ocupada e do nível da formação acadêmica.

Após dez anos de serviço, os salários ficam em torno de U$ 62 mil e US$ 81 mil. Na conversão para reais, seria o equivalente a R$ 310 mil ou R$ 405 mil por ano.

Tem vontade de servir o Exército dos EUA?

Este é o melhor momento na história para quem deseja morar e trabalhar nos EUA. Portanto, preencha o nosso formulário de avaliação gratuita e receba uma análise inicial sobre as suas possibilidades imigratórias. Assim, caso tenha o perfil para conseguir o green card ou outros vistos com os quais trabalhamos, agendaremos uma consulta (sem custos) para explicar como obtê-los.

Baixe o ebook e conheça melhor a AG Immigration

Na AG, auxiliamos nossos clientes a descobrirem as muitas oportunidades de green card que existem nos EUA, especialmente para profissionais que possuem uma carreira bem-sucedida e que desejam morar e trabalhar legalmente na América, e para isso oferecemos uma consulta gratuita de suas possibilidades imigratórias.

Quer saber mais? Faça o download do e-book institucional da AG e descubra que o sonho americano é possível e bem menos complicado do que você imagina.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

EUA devem emitir 300 mil novos vistos de trabalho

EUA devem emitir 300 mil novos vistos de trabalho

Os EUA devem emitir 300 mil novos vistos de trabalho para cidadãos do México e da América Central, anunciou o ministro de Relações Exteriores mexicano na última quarta-feira (22/6), de acordo com informações publicadas pela Reuters. Os novos vistos fazem parte do...

Qual a diferença entre os vistos EB-1 e EB-2?

Qual a diferença entre os vistos EB-1 e EB-2?

Os vistos EB-1 e EB-2 estão entre as opções imigratórias mais visadas por quem busca morar e trabalhar nos EUA. Afinal de contas, ambos possuem categorias que permitem ao imigrante conseguir o green card sem ter uma oferta de emprego. Mas você sabe qual a diferença...

Quanto custa se tornar um cidadão americano?

Quanto custa se tornar um cidadão americano?

Quanto custa se tornar um cidadão americano? A cidadania americana é um sonho para muitos imigrantes que querem viver com todos os direitos e benefícios assegurados na maior economia do mundo e em um dos países com maior qualidade de vida e segurança. Mas, será que...