Vistos para

turismo e/ou negócios

Vistos para turismo e/ou negócios nos EUA

Conheça o visto B1/B2 para turismo e/ou negócios nos EUA

O visto B1/B2 é o mais conhecido e solicitado visto americano. Sua nomenclatura engloba dois tipos de vistos que por muitos anos foram emitidos separadamente: o B1(negócios) e o B2 (turismo). Trata-se, portanto, de um visto para viajar temporariamente aos EUA, tanto para visitar o país quanto para a participação em seminários, workshops, visitas técnicas, conferências e uma série de outras atividades comerciais.

Como qualquer visto temporário, o B1/B2 não concede nenhum tipo de direito a moradia ou benefício imigratório. Ele também não permite que uma pessoa tenha um emprego ou estude em tempo integral nos EUA.

De acordo com a reciprocidade atual entre Brasil e Estados Unidos, a validade máxima de um visto B1/B2 é de 10 anos, e o tempo máximo de permanência nos EUA é de 6 meses. Qualquer violação do tempo permitido é considerada uma infração grave para o governo americano, e pode resultar em uma série de penalidades ao infrator que vão desde o cancelamento do visto até a deportação e inelegibilidade permanente para entrar no país

Embora na grande maioria das vezes o visto B1/B2 seja emitido para turismo e/ou negócios, existem situações específicas onde somente o visto B1 (negócios) é emitido, como no caso de babás ou funcionários domésticos viajando a trabalho para os Estados Unidos.  

QUAIS OS CRITÉRIOS PARA APROVAÇÃO DO VISTO DE TURISMO E/OU NEGÓCIOS?

Todos os solicitantes de vistos B1/B2 precisam demonstrar durante uma entrevista com um oficial consular americano, seja em uma Embaixada ou Consulado dos EUA, que não pretendem permanecer no país após o tempo permitido, ou se aproveitarem da viagem aos Estados Unidos para exercerem atividades que não condizem com aquelas autorizadas pelas regras do B1/B2, como trabalhar ou estudar integralmente, ou ainda para se aproveitarem indevidamente de benefícios públicos americanos.

Em geral, esta demonstração é feita através da comprovação de laços financeiros, familiares e sociais que o solicitante ao visto possui, e que expliquem o porquê ele retornará a seu país após a pretendida viagem aos EUA. Entre os muitos documentos que podem ajudar nesta comprovação estão: impostos de renda, contratos sociais, certidões de imóveis, extratos bancários ou de investimentos e uma série de outros documentos que ajudem a demonstrar que o solicitante possui uma vida suficientemente estável.

No caso de viagens a negócios, é também fundamental apresentar uma carta timbrada oficial da empresa empregadora ou que estiver se responsabilizando pela viagem explicando o motivo da viagem profissional que será desempenhada pelo candidato ao visto B1/B2.

quais os criterios para o visto de turismo

Como funciona o processo de solicitação do visto B1/B2?

Como acontece nos demais vistos temporários, o primeiro passo para dar entrada no visto B1/B2 é preencher o formulário DS-160, pagar a taxa de solicitação (atualmente no valor de US$ 160,00) e fazer seu agendamento. Todos esses procedimentos são feitos online.

Na maioria dos casos, é preciso comparecer inicialmente em um centro de atendimento ao solicitante (CASV) e posteriormente na Embaixada ou Consulado americano mais próximo de onde o solictante reside para uma entrevista com o oficial consular. Porém, em muitos casos de renovação de visto, basta agendar somente para a entrevista.

No dia agendado para a solicitação será preciso ainda levar o passaporte válido, uma foto nos formatos 5x5cm ou 5x7cm, comprovação de pagamento da taxa consular e quaisquer outros documentos que o solicitante possua no sentido de comprovar seus laços financeiros, familiares e sociais, como explicado acima.

Para verificar todas as informações sobre os procedimentos e documentos necessários para solicitar um visto de turismo e/ou negócios (B1/B2) no Brasil, acesse o site da Embaixada dos Estados Unidos em Brasília: https://br.usembassy.gov/pt/.

Mitos e Verdades sobre os vistos de turismo e/ou negócios para os EUA

Por se tratar do visto mais famoso e solicitado, existem muitas teorias populares sobre o B1/B2 no Brasil. A maioria delas, porém, é infudada. Confira os principais mitos e verdades quando o assunto é turismo e/ou negócios nos EUA:

se eu colocar no formulário que tenho parentes ou amigos nos EUA irão negar meu visto” (MITO) – Não há nenhum problema em dizer que você possui parentes ou amigos residindo, trabalhando ou estudando legalmente nos EUA. Pelo contrário, pode haver um problema se você não reportar esta informação e as autoridades americanas descobrirem posteriormente.

a qualificaçåo de um solicitante maior de idade não pode ser feita com base em seus pais(VERDADE) – A partir de 18 anos de idade é o próprio solicitante que deve comprovar que possui os requisitos necessários para ter o visto aprovado, independentemente da situação financeira ou profissional de seus pais e demais familiares ou representantes legais. A qualificação é sempre individual.

a maioria dos vistos é negada” (MITO) – A maioria esmagadora dos vistos B1/B2 é aprovada. Atualmente estima-se que a taxa de aprovação seja de 75% a 80% considerando todas as solicitações feitas na Embaixada em Brasília e Consulados americanos no Brasil.

“se tiver viajado antes pra Europa aumentam as chances de aprovação visto” (VERDADE) – Embora isso por si só não garanta a aprovação de um visto, viagens prévias não só para a Europa, mas também para países desenvolvidos em quaisquer outros continentes ajudam a demonstrar para os oficiais consulares americanos que o solicitante não se aproveitou destas viagens para permanecer em solo estrangeiro.

“o cônsul recusou meu visto sem nem olhar ou pedir documentos” (DEPENDE) – Embora uma avaliação apressada de um oficial consular possa fazer com que ele/ela negue um visto sem muito embasamento, na maioria das vezes realmente nem é preciso pedir documentos adicionais ao solicitante de um visto. As próprias informações que já constam no formulário DS-160 e no sistema online do governo americano podem ser suficientes em muitos casos para determinar a aprovação ou negativa de um pedido.

VISITE OS ESTADOS UNIDOS!

Solicite seu visto B1/B2 para visitar os Estados Unidos! Seja para aproveitar os parques temáticos em Orlando, fazer compras em Nova Iorque, esquiar no Colorado, jogar em Las Vegas, dirigir pelas estradas da Califórnia, conhecer os museus de Washington ou muitas outras atrações turísticas, viajar para os Estados Unidos é sempre uma grande oportunidade para ampliar seus horizontes culturais.

E se você tem interesse de um dia residir e trabalhar legalmente nos EUA, não esqueça que o departamento jurídico da AG Immigration oferece uma avaliação gratuita de suas possibilidades imigratórias para obtenção de um green card. Entre em contato com nossa equipe para saber mais e começar a realizar o seu sonho americano.

Entre em contato com a AG

Vamos juntos cuidar do seu Green Card!