Vagas de emprego abertas nos EUA – outubro de 2023

Os EUA encerraram o mês de outubro de 2023 com 8,7 milhões de vagas de emprego abertas no país, segundo divulgou o Departamento de Trabalho americano na última quarta-feira (6/12/2023). Trata-se de uma queda de 32,6% sobre as 9,3 milhões de vagas registradas no mês anterior.

POSSO TRABALHAR NOS EUA COM VISTO DE TURISTA?

ENTREI NOS EUA COMO TURISTA E RESOLVI FICAR. O QUE FAZER?

É o menor resultado desde março de 2021, o que pode indicar uma desaceleração da economia americana. No entanto, o número é superior ao período pré-pandêmico, ou seja, acima da média histórica, o que evidencia ainda uma boa capacidade das empresas de crescer e gerar empregos.

“Mas a busca intensiva por trabalhadores eleva salários e pressiona a inflação para cima. Não à toa, o relatório do BLS é acompanhado de perto pelo Fed, o Banco Central americano, para determinar a taxa de juros do país. Se no próximo mês houver uma nova queda significativa na quantidade de vagas abertas, isso poderá fazer com que o órgão monetário reduza os juros”, comenta o CEO da AG Immigration, Rodrigo Costa.

Atualmente, a taxa de desemprego nos EUA é de 3,7% – uma das menores das últimas cinco décadas. Em números absolutos, são 6,3 milhões de pessoas. Isso significa que, mesmo que todas elas fossem contratadas, ainda assim restariam 2,4 milhões de postos de trabalho abertos nas empresas estadunidenses. Há, portanto, 1,3 vaga para cada pessoa desempregada nos EUA. Ao longo de 2022 e parte de 2023, essa relação chegou ou ficava perto de 2.

Os dados divulgados pelo Departamento de Trabalho mostram ainda que os EUA registraram 5,8 milhões de contratações e 5,9 milhões de demissões em outubro de 2023. Esses números incluem trabalhadores que podem ter sido contratados e desligados mais de uma vez durante o mês. No acumulado de 2023, há um saldo líquido positivo de 2,7 milhões de admissões.

Setores em alta e em baixa em outubro de 2023

Em outubro de 2023, os setores da economia americana que mais abriram vagas de emprego nos EUA foram os de serviços profissionais e empresariais (93 mil), informação (39 mil), transporte, armazenagem e serviços essenciais (33 mil) e a administração pública (17 mil)

Por outro lado, houve diminuição na quantidade de vagas abertas nos setores de saúde e assistência social (-238 mil), finanças e seguros (-168 mil), acomodação e serviços de alimentação (-124 mil) e varejo (-102 mil).

Pedidos de demissão

Os EUA ainda vivem o fenômeno da “Grande Demissão” ou “Grande Renúncia”, em que uma quantidade elevada de trabalhadores tem pedido para sair de seus empregos. É um movimento que surgiu durante a pandemia de Covid-19 e persiste até o momento. É visto também como um indicador da confiança do trabalhador em mudar de emprego.

Em outubro de 2023, a quantidade de pedidos de demissão ficou na casa de 3,6 milhões pelo quarto mês seguido. Antes dessa sequência, a última vez que o indicador havia registrado esse patamar havia sido em março de 2021, ou seja, há mais de dois anos, o que pode indicar uma menor disposição das pessoas (ou maior dificuldade) em trocar de trabalho.

Os setores da economia dos EUA com mais vagas abertas – outubro de 2023

  1. Serviços Profissionais e Empresariais – 1,751 milhão
  2. Saúde e Assistência Social – 1,493 milhão
  3. Acomodação e Serviços de Alimentação – 1,044 milhão
  4. Administração Pública (Governos) – 987 mil
  5. Comércio Varejista – 543 mil
  6. Transporte, Armazenagem e Serviços Essenciais – 488 mil
  7. Construção – 423 mil
  8. Bens Duráveis – 365 mil
  9. Finanças e Seguros – 273 mil
  10. Outros Serviços – 261 mil

Quantidade de vagas de empregos abertas nos EUA nos últimos 13 meses

Fonte: United States Job OpeningsBLS

Empregos criados nos EUA –novembro de 2023

Em novembro de 2023, as empresas dos EUA contrataram 199 mil trabalhadores não rurais a mais do que em outubro, segundo informação divulgada pelo Departamento de Trabalho nesta sexta-feira (8/12/2023). Trata-se de um crescimento de 32,6% sobre as 150 mil novas contratações registradas no mês anterior, mas ainda abaixo da média de 240 mil dos 12 meses anteriores.

Nos dez primeiros meses de 2023, os EUA já adicionaram um total de 2,5 milhões de vagas de trabalho à economia do país – recuo de 44% sobre o mesmo período de 2022 (4,2 milhões).

COMO FUNCIONA O SALÁRIO MÍNIMO NOS EUA?

IMIGRANTES PODEM SER CONVOCADOS PELAS FORÇAS ARMADAS DOS EUA?

6 DICAS PARA VOCÊ ENCONTRAR UMA VAGA DE EMPREGO NOS EUA

Os setores que mais geraram emprego em novembro de 2023 foram os de saúde e assistência social (93,2 mil contratações a mais do que no mês anterior), administração pública (49 mil), acomodação e serviços de alimentação (39,4 mil) e bens duráveis (36 mil).

Já entre os segmentos com pior desempenho estão o varejo, que perdeu 38,4 mil empregos no período, serviços profissionais e empresariais (-9 mil), bens não duráveis (-8 mil), transporte e armazenagem (-5 mil) e finanças e seguros (-4,1 mil)

Taxa de desempregos dos EUA em novembro de 2023

O relatório do Departamento de Trabalho dos EUA também revelou que a taxa de desemprego oficial do país caiu de 3,9% para 3,7% entre outubro e novembro de 2023 – 21º mês seguido abaixo do patamar dos 4%. A quantidade total de pessoas sem emprego ficou em 6,3 milhões.

Como atualmente existem 8,7 milhões de vagas abertas no país, segundo o próprio governo americano divulgou na quarta-feira (6/12/2023), isso significa que mesmo que todos os desempregados dos EUA fossem contratados, ainda assim restariam 2,4 milhões de posições precisando ser preenchidas – uma taxa de 1,3 vaga para cada americano sem emprego.

“Trata-se de um cenário que favorece a contratação de imigrantes, pois a mão de obra estrangeira é a principal solução para esse problema de escassez de trabalhadores que os EUA enfrentam atualmente”, explica o CEO da AG Immigration, Rodrigo Costa.

Os dados oficiais mostram que o desemprego nos EUA é maior entre adolescentes (11,4%), negros (5,8%) e hispânicos (4,6%). Ainda de acordo com os números, a taxa de participação da força de trabalho registrou 62,8%. O indicador mede a quantidade de americanos que estão trabalhando em relação ao total da população.

Ao todo, segundo o Departamento de Trabalho, existem atualmente 157.087 milhões de americanos registrados nas folhas de pagamento das empresas não rurais dos EUA.

Salário médio nos EUA em novembro de 2023

A remuneração média por hora para os trabalhadores dos EUA chegou a US$ 34,1 em novembro de 2023. No acumulado dos últimos doze meses, a alta é de 4% – pouco abaixo da inflação oficial para o período de doze meses terminados em outubro, que ficou em 3,2%.

Considerando que, na média, trabalham-se 2.080 horas por ano, a remuneração padrão de um americano ficou na casa dos US$ 70,9 mil anuais (ou R$ 29,5 mil por mês, na conversão cambial de cinco reais para cada dólar).

Já a média de horas trabalhadas na semana foi de 34,4 horas (contra 34,3 no mês anterior).

Empregos criados nos EUA – 2021-2023

Empregos criados nos EUA – 2021-2023

Fonte: United States Non Farm Payrolls – US Bureau of Labor Statistics

Áreas da economia dos EUA que mais contrataram em novembro de 2023

  1. Saúde e Assistência Social – 93,2 mil
  2. Administração Pública (Governos) – 49 mil
  3. Acomodação e Serviços de Alimentação – 39,4 mil
  4. Bens Duráveis – 36 mil
  5. Outros Serviços – 12 mil
  6. Informação – 10 mil
  7. Imobiliário – 8,4 mil
  8. Comércio Atacadista – 8,3 mil
  9. Serviços Educacionais Privados – 5,7 mil
  10. Construção – 2 mil

More legalmente nos EUA

Este é o melhor momento na história para quem deseja morar e trabalhar nos EUA. Portanto, preencha o nosso formulário de avaliação gratuita e receba uma análise inicial sobre as suas possibilidades imigratórias. Assim, caso tenha o perfil para conseguir o green card americano ou outros vistos com os quais trabalhamos, agendaremos uma consulta sem custos para explicar como obtê-los.

A AG Immigration é um escritório de advocacia especializado em imigração para os EUA. Lidamos com vistos imigratórios, como EB-1, EB-2, EB-2 NIW, EB-3 e green cards baseados em parentesco. Além disso, também atuamos com vistos de trabalho temporário, asilo, deportação, remoção e outras áreas da imigração para quem quer trabalhar e morar nos EUA ou para empresas que desejam contratar mão de obra estrangeira no país (veja nossa página de Corporate).