EUA dificultam vistos para grávidas com intuito de inibir “turismo de nascimento” 

Governo dos Estados Unidos dificulta vistos para mulheres grávidas com o intuito de acabar com o chamado “turismo de nascimento”.

Visto para grávidas será limitado nos EUA

A legislação dos Estados Unidos garante cidadania americana para as pessoas que nascem em território do país, devido a isso muitas mulheres vão para os EUA já grávidas para que seus filhos sejam legítimos cidadãos americanos. Com isso o governo dos Estados Unidos anunciou em 23 de janeiro deste ano que não concederá vistos a mulheres estrangeiras grávidas, que tenham o intuito de dar a luz nos país, uma medida que visa acabar com o chamado “turismo do nascimento” .

Quem poderá negar os vistos?

Será responsabilidade dos agentes consulares a negativa dos vistos para as grávidas, que deverão determinar se uma mulher está viajando para os Estados Unidos com o objetivo final de que seu bebê nasça no país. É nesse ponto que o processo se torna confuso.

No consulado americano, os funcionários realizam entrevistas para determinar se irão conceder os vistos, neste caso os vistos B1 ou B2 que são de turismo ou de negócios. Estes funcionários devem decidir se a mulher pretende dar a luz nos EUA, mas sem poder perguntar abertamente se ela está grávida ou se tem planos de engravidar ao chegar no país.

Outra dificuldade é que esses vistos têm um período longo de validade, que é de 10 anos, razão pela qual uma mulher pode decidir ser mãe nos EUA anos depois da concessão do visto.

Quando o visto pode ser negado?

Quando o agente consular concluir que o principal motivo da viagem da solicitante é dar à luz nos EUA, para assim obter a cidadania para o futuro bebê. Sendo assim, um simples olhar ou a mera suspeita de que a mulher está grávida são procedimentos válidos para negar a entrada.

Segundo um funcionário do Departamento de Estado, o trabalhador do consulado pode chegar a essa conclusão durante a entrevista sem muitos problemas.

As empresas dos EUA que mais contratam brasileiros – 2024

As empresas dos EUA que mais contratam brasileiros – 2024

Empresas dos EUA que mais contratam brasileiros - Edição 2024 A quantidade de empresas dos EUA que contrataram trabalhadores brasileiros subiu de 865, em 2022, para 1.271 no ano passado – alta de 46,9%. Entre as companhias que mais buscaram a mão de obra nacional...

Explode o número de brasileiros que pedem asilo nos EUA em 2023

Explode o número de brasileiros que pedem asilo nos EUA em 2023

Asilo de brasileiros para os EUA em 2023 A quantidade de pedidos brasileiros de asilo analisada pelos EUA em 2023 chegou a 7.715 – um salto de 162% em relação ao ano anterior e maior volume do qual se tem registro. Com isso, o Brasil passou a ser o 8º país com mais...