A AG Immigration e a Alexandre Law Firm (ALF), dois dos principais escritórios de advocacia imigratória dos EUA, anunciam a fusão das duas empresas para oferecer serviços mais completos e mais conforto a seus clientes.

Com a fusão, a nova empresa – que manterá o nome de AG Immigration – passará a ter um total de 70 funcionários, espalhados por escritórios em Irvine, Orlando, Nova York, Los Angeles, Las Vegas, Washington D.C., Houston e São Francisco.

“A união nos permitirá oferecer serviços mais completos aos clientes, expandir nossa área de atuação geográfica e ganhar competitividade”, afirma o empresário Rodrigo Costa, CEO da AG Immigration.

Para o advogado Felipe Alexandre – sócio da AG e fundador da ALF – “a fusão das empresas permitirá unir a expertise jurídica da ALF em casos humanitários com o profundo conhecimento da AG em green cards e vistos de trabalho”.

A AG Immigration oferece a seus clientes serviços jurídicos imigratórios como: green cards de trabalho (vistos EB), green cards baseados em parentesco, vistos temporários de trabalho, pedidos de cidadania americana, asilo, refúgio, apelações, deportações e remoções.

A AG também oferece serviços para empresas americanas que buscam contratar profissionais estrangeiros, cuidando de todos os trâmites imigratórios, seja qual for o visto necessário.

A fusão da AG Immigration com a ALF é concretizada em um momento de crescimento econômico, em que as empresas dos EUA estão cada vez mais contratando imigrantes.

Atualmente, a taxa de desemprego dos EUA é de 3,6% – uma das menores dos últimos 50 anos. Mesmo assim, as empresas têm 11,4 milhões de vagas abertas, segundo os dados mais recentes do Departamento de Trabalho. Isto significa que mesmo que a taxa de desemprego fosse de 0%, as companhias ainda precisariam de cerca de 5,5 milhões de trabalhadores. A solução, portanto, é contratar imigrantes.

A fusão da AG Immigration também reforça o momento de crescimento do escritório, atendendo um número cada vez maior de clientes, de quase 30 países em todos os continentes.